Frei Luis Amigó


Uma semente que cresce e dá frutos: José Maria Amigó e Ferrer, o apóstolo da juventude, nasceu em Masamagrell (Valência – Espanha) no dia l7 de outubro de 1854. “O fundo do seu ser a Paz; suas vestes, a humildade; sua vida, o correr manso de um rio sem declives nem transbordamentos”

Santa Clara


Nascida como Chiara d'Offreducci em Assis (Itália), no dia 16 de julho de 1194, e falecida no mesmo local em 11 de Agosto de 1253, foi a fundadora do ramo feminino da ordem franciscana.

São Francisco


Giovanni di Pietro di Bernardone, mais conhecido como São Francisco de Assis (Assis, 5 de julho de 1182 1 — 3 de outubro de 1226), foi um frade católico da Itália.

Sagrada Família


Colocar os nomes de Jesus, Maria, José, à primeira criança que batizei, e sendo esta uma criança abandonada, me fez entender como um anúncio da fundação, que mais tarde tornou-se a congregação de Sagrada Família...(OCLA 51).

Santa Clara

Clara nasceu em Assis, Itália, por volta de 1194, em uma família rica e nobre. Era a filha primogênita de Favarone e Hortolana, seus pais. Tinha duas irmãs menores, Inês e Beatriz que mais tarde, também, consagraram no Mosteiro de São Damião.

 

Clara sonhava com uma vida mais cheia de sentido, que lhe trouxesse uma verdadeira realização e felicidade.

 

Depois de muitas conversas com Francisco, aos 18 de março de 1212, Domingo de Ramos, esta nobre senhora, atraída por este estilo de vida, procurou Francisco foi procurá-lo para abraçar, também, esta vida de pobreza no seguimento a Jesus.

Frente ao altar da Igrejinha de Santa Maria dos Anjos, Clara se consagra ao Senhor, para viver em pobreza, obediência e castidade. Surge assim, a segunda Ordem Franciscana, das Clarissas, a Fraternidade das Pobres Damas.

 

Com o passar dos anos e o grande testemunho de vida de Clara de Assis, rainhas e princesas, juntamente com humildes camponesas consagraram suas vidas para viver, à luz do Evangelho, a fascinante aventura das Damas Pobres, seguidoras de Francisco a exemplo de Jesus Cristo.

 

Podemos dizer que sem Clara a experiência de Francisco é incompleta; ela é um testemunho excepcional da herança do ideal evangélico que nasce em Assis e incendeia o mundo a 801 anos. Ele é a versão feminina do ideal franciscano.
Clara e Francisco são arquétipos humanos e protótipos da encarnação do evangelho; uma rigorosa mudança pessoal, uma cordial vivência fraterna, uma conversão de ternura e cuidado, um verdadeiro encontro entre espírito e afeto. Em Clara, Francisco encontra seu coração de mãe; em Francisco, Clara encontra seu coração de irmã.

 

O conhecimento do espírito e dos projetos do movimento de Assis permaneceria incompleto sem Clara, ela que seguiu de perto a nova vida e as práticas do início da nossa forma de viver. “Clara assimilou profundamente o espírito de Francisco, conservando em si o estado mais puro deste espírito. O seu testemunho é digno da mais alta consideração”. (K Esser).

Post a Comment

Your email is kept private. Required fields are marked *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>